domingo

FPFS divulga prévias das tabelas das Chaves Prata e Bronze

A Federação Paranaense de Futsal (FPFS) divulgou, na tarde da última sexta-feira (18), as tabelas provisórias das divisões de acesso do Campeonato Paranaense de Futsal, masculino adulto. As tabelas ainda poderão sofrer alterações até suas edições finais.

Na Chave Prata, que contará com 10 equipes participantes (três subirão para a Chave Ouro de 2015), a primeira fase será disputada em turno único, em turno e returno. Confira os jogos da rodada inicial, prevista para o dia 3 de maio:

1ª rodada (03 de maio)
Ivaí EC x Concrevalle/Dois Vizinhos
Itaipulândia x Caramuru/MM/Castro
Assaí Futsalx Adef/Faxinal
São José dos Pinhais x Santa Terezinha do Itaipu
Metelândia x Aneflex/Rebouças/Arefus

Clique aqui para ver a tabela completa

Na Chave Bronze, serão 19 equipes (na tabela divulgada pela FPFS, não consta a equipe de Itambé), divididas em três grupos. O grupo ‘A’ contará com sete equipes, enquanto os grupos ‘B’ e ‘C’ terão seis times cada. As agremiações jogarão entre si, dentro de seus grupos, em turno e returno (assim o grupo ‘A’ terá 14 rodadas e os grupo ‘B’ e ‘C’, 10).

Confira a primeira rodada, também prevista para o dia 3 de maio (a equipe de Cambé folga na primeira rodada do grupo A):

1ª rodada
Continental/Jacarezinho x Ibiporã (Grupo A)
Astorga x Colégio Londrinense/Unifil (Grupo A)
Nova Esperança x Siqueira Campos (Grupo A)
BEC/Ictus/Natofarma/Gpuava x Palmas Esportes (Grupo B)
Pitanga Futsal x Figa's/Araucária (Grupo B)
Monte Sião/Paranaguá x Assifusa/Anila/Irati (Grupo B)
São João do Ivaí x Missal (Grupo C)
Salto do Lontra x ADM Engenharia/Toledo (Grupo C)
Corbélia Futsal x Jardim Alegre (Grupo C)



(Clique Esporte)

Cascavel vence fora de casa e volta a se igualar na liderança

O Cascavel Futsal conseguiu sua quarta vitória e subiu para 12 pontos na Chave Ouro do Campeonato Paranaense de Futsal. No ginásio da Rondinha, em Ampére, a equipe do oeste do estado bateu o Notavel Móveis/Ampére Futsal por 3x1 e se igualou em pontos ao Poker/Guarapuava, na liderança da competição.

Além de encostra no líder (o time guarapuavano ainda leva a vantagem no saldo de gols), a Serpente quebrou a invencibilidade do time de Ampére jogando em seus domínios. Na Rondinha, o Ampére (campeão invicto da Chave Prata do ano passado) não perdia desde 2012. O último revés amperense, em partida oficial, tinha sido contra o Foz Futsal (3x2), pelas semifinais da Chave Prata daquele ano.

No primeiro tempo, Jaison abriu o placar para os visitantes. Quando o Ampére buscava a reação, no começo da segunda etapa, Ricardinho roubou uma bola e fez o segundo dos visitantes. Diego ampliou a vantagem para 3x0 e Sidnei marcou o gol de honra dos donos da casa, fechando o placar em 3x1.

Com a derrota, o Ampére segue em sexto lugar, com seis pontos em quatro partidas disputadas. A equipe do sudoeste tentará a reabilitação no próximo sábado (26), jogando em Clevelândia, contra a AEC. Já o Cascavel joga na próxima sexta-feira (dia 25), em casa, contra o Cresol/Marreco Futsal



(Clique Esporte)

sábado

Luto no esporte brasileiro: morre o narrador Luciano do Valle



Morreu na tarde deste sábado, em Uberlândia, o narrador esportivo Luciano do Valle, de 70 anos. Ele foi internado em um hospital particular da cidade mineira, na tarde deste sábado, após passar mal durante voo até a cidade - onde faria a transmissão do jogo entre Atlético-MG e Corinthians, no domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O jornalista, que viajava de São Paulo, foi socorrido ainda no aeroporto da cidade mineira pelo Corpo de Bombeiros. A morte do narrador foi confirmada pela TV Bandeirantes, emissora na qual trabalhava. O último jogo transmitido por ele foi a final do Campeonato Paulista - o título do Ituano sobre o Santos nos pênaltis no domingo passado.

De acordo com assessoria de imprensa do Hospital Santa Genoveva, o narrador deu entrada às 15h10 com parada respiratória e foi direto para Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O óbito foi confirmado às 16h15. A causa da morte ainda não foi confirmada. O médico que o atendeu no voo, Roberto Botelho, relatou à TV Bandeirantes que a passagem de Luciano foi sem sofrimento, uma "morte súbita". Infecção na aorta, embolia pulmonar e infarto são algumas hipóteses levantadas pelo médico, mas ainda é cedo para determinar a causa da morte.

O jornalista da TV Globo Marco Aurelio Souza estava no mesmo voo do narrador e contou o que se passou no avião.

- Ele não se sentiu bem durante o voo. Não teve nenhum rebuliço no avião. Ele só comunicou à comissária que não se sentia bem e pediu que, quando o avião descesse, chamassem um médico. Estava na primeira fileira. Todos os passageiros saíram, mas ele permaneceu. Quando eu saía, o comandante já tinha saído da cabine e conversava com ele indicando que tinha chamado um médico. A gente ficaria no mesmo hotel. Quem me relatava as coisas era o Fernando Fernandes, da Band. O Luciano já foi muito mal para o hospital. Meia hora depois, o Fernando me ligou para dizer que ele tinha morrido de um problema do coração - relatou o jornalista.

O repórter da Bandeirantes Fernando Fernandes também estava no voo. Ele relatou, em entrevista para a emissora, que Luciano já não se sentia bem em São Paulo, antes do embarque.

- Tínhamos o voo às 13h30 de São Paulo para Uberlândia. Ele disse que estava com dor nas costas. No meio do voo, fui lá para a frente e vi que ele não estava bem, que estava suando - comentou Fernandes.
Hospital Santa Genoveva Uberlândia Luciano do Valle  (Foto: Daniel Mafra)

Luciano do Valle Queiroz nasceu em Campinas, trabalhava atualmente na TV Bandeirantes e foi narrador esportivo da TV Globo por 11 anos. Chamado de "o melhor gol da TV", era considerado um dos principais profissionais da imprensa do país, tendo transmitido Copas do Mundo, Olimpíadas, Fórmula 1 e Fórmula Indy, além de ter sido apresentador do "Globo Esporte". Foi o responsável por aumentar a programação esportiva da Band e valorizar esportes olímpicos - vôlei e basquete, por exemplo -, além de diversificar a cobertura de futebol, com espaço para divisões inferiores e jogos de veteranos.

Torcedor da Ponte Preta, Luciano iniciou a carreira na Rádio Brasil e ganhou destaque trabalhando na Rádio Nacional, em São Paulo. Pela emissora, participou da cobertura da conquista do tricampeonato mundial de futebol na Copa do Mundo do México. No mesmo ano, passou a fazer parte da equipe da Globo. A primeira transmissão ocorreu no basquete masculino, no Troféu Governador do Estado de São Paulo. Em 2003, ele também fez parte da equipe esportiva da TV Record.

Algumas de suas narrações ficaram célebres, como o último gol de Zico pela seleção brasileira, em amistoso contra a Iugoslávia, em 1986 ("Não há palavras para descrever o gol de Zico"); o gol de Ronaldinho Gaúcho pelo Brasil contra a Venezuela na Copa América de 1999 ("golaaaço desse menino que é ótimo"); e o gol de Edílson pelo Corinthians sobre o Real Madrid no Mundial de Clubes em 2000 ("E aí ele disse: 'Eu sou o Edílson, o Capeta'").

Confira uma das inúmeras narrações de Luciano do Valle:

Veteranos entram em campo pela terceira rodada do amador

Hoje acontece a terceira rodada do Campeonato Municipal de Futebol Amador na categoria Veterana. Dois jogos estão agendados para acontecer a partir das 15 horas. Os atuais campeões e até o momento líderes da competição, o União será a equipe que folgará nesta rodada.

No Estádio Guilherme Menegari, o Água Verde recebe o Palmeiras. A equipe de Moreninha soma apenas um ponto na competição e quer vencer para encostar no líder União. De outro lado vem o Palmeiras de Santa Helena Velha, que folgou na segunda rodada e vem com apetite para ganhar mais uma. Se vencer, o verdão assume a ponta da classificação.

No outro jogo da tarde, o Real recebe no Estádio Municipal de São Roque o Incas. O alvi-rubro precisa vencer para se recuperar da sonora goleada por 6x0 sofrida na estréia da equipe, na segunda rodada, para o União. Já o clube do lago, que perdeu uma e ganhou outra, joga para novamente fazer os três pontos. Se o Palmeiras perder e o Incas ganhar, o clube azul é quem assume a ponta da classificação.

Santa Helena encara AssisChateaubriand visando se manter na ponta

As seleções santa-helenenses de futebol sub-15 e sub-17 entram em campo hoje contra Assis Chateaubriand pela Copa Regional de Futebol de Marechal Candido Rondon. Santa Helena precisa vencer para se manter igualado com Toledo na ponta da tabela de classificação.

O duelo está marcado para as 14h15 com o sub-15 e as 16 horas com o sub-17. Os jogos acontecerão no Estádio Valdir Schneider em Marechal Cândido Rondon. A saída dos atletas ocorrerá as 13 horas da praça central Orlando Webber de Santa Helena.

De olho na liderança, Cascavel encara o Ampére no sudoeste do estado

Neste sábado (dia 19), as equipes do Notável Móveis/Ampére Futsal (atual campeão da Chave Prata) e do Muffatão/Sol do Oriente/Cascavel Futsal (atual vice-campeão da Chave Ouro e do Torneio dos Campeões) medem forças em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Paranaense de Futsal. O jogo será realizado no ginásio da Rondinha, na cidade de Ampére, região sudoeste do estado, a partir das 20h30.

Este será o segundo encontro das equipes no ano. O primeiro foi pela primeira rodada do Torneio dos Campeões: na ocasião, os cascavelenses venceram pela contagem mínima de 1x0 em um jogo muito disputado, na cidade de Umuarama. Agora as equipes voltam a medir forças em busca das primeira colocações no estadual.

As duas equipes têm campanhas parecidas. Ambas perderam apenas uma partida, mas o Cascavel, que jogou uma vez a mais, soma três pontos a mais que o time do sudoeste. Assim, os cascavelenses aparecem na vice-liderança, com nove pontos, enquanto o Ampére aparece em sexto, com seis.

Para este jogo, o time de Cascavel terá três desfalques: Issamu e Pirulito cumprem suspensão e Thiaguinho segue se recuperando de lesão. Já o Ampére, além de ter time completo, contará com a força da torcida amperense, que costuma a fazer a diferença no 'caldeirão' da Rondinha.

Assim, a expectativa é de um grande jogo, fundamental para as pretensões das duas equipes na primeira fase, já que o Cascavel, em caso de vitória, poderá empatar em pontos com o líder, Guarapuava (que folga na rodada). Já o Ampére, se vencer, se igualará ao próprio Cascavel, om nove pontos e uma partida a menos.



(Bruno Vanço)