21 agosto 2013

Paulinho dificilmente perde a artilharia no livre; no sub-21 disputa está acirrada


O Real, mais uma vez, ficou pelo caminho no municipal de campo, mas uma conquista, pelo menos deverá ir para as bandas de São Roque: o troféu de artilheiro da competição em 2013. O atacante Paulinho está com 11 gols e dificilmente perderá a ponta no ranking de goleadores, isso porque o atleta mais próximo é Jair, do Celeste, com 6 gols.

O vice-artilheiro da competição, no momento é Tido do Água Verde, com 10 gols. O atacante do clube de Moreninha não tem mais chances de ser o goleador da competição, pois o Água Verde já foi eliminado.

Para ser o novo artilheiro, Jair, do Celeste, precisaria fazer 5 gols nos dois jogos da grande final contra o Nacional de Sub-Sede. Assim, empataria em número com Paulinho, mas como o Celeste foi mais longe que o Real na competição, o artilheiro seria Jair.

Confira como está a classificação dos artilheiros no livre:

Paulinho (Real) – 11 gols
Tido (Água Verde) – 10 gols
Jair (Celeste) – 6 gols


Marcos Gross, do São Clemente e Gabrielzinho, do Nacional disputam o título de artilheiro do municipal de campo 2013 na categoria sub-21. Ambos se enfrentam na final, o que deve acirrar ainda mais a disputa pelo troféu de goleador.

Marcos Gross estava com 5 gols até este domingo, quando arrebentou no jogo da semifinal contra o São Luis e deixou três vezes sua marca. Em dois, o goleiro Fleck do São Luis não viu nem onde a bola passou, tamanha potencia e precisão dos chutes de Marcos. Os três tentos levou o atacante do São Clemente a ponta da lista de artilheiros com 8 gols e ainda mais dois jogos para serem disputados.

Empatado, também com 8 gols, está o atacante do Nacional, Gabrielzinho. Neste domingo, o avante do clube grená deixou novamente sua marca, aumentando sua conta em um gol. O tento anotado por Gabrielzinho foi novamente contra o Incas, mas esse rendeu uma vaga na grande final, que acontece no próximo domingo.

Confira como está a classificação dos artilheiros no sub-21:

Marcos Gross (São Clemente) – 8 gols

Gabrielzinho (Nacional) – 8 gols