30 maio 2014

PC de Oliveira é oficialmente apresentado como técnico da Copagril

Ao lado da Jaime Vilani, presidente da Associação Atlética Cultural Copagril, e Eduardo Santana, supervisor técnico, Paulo César de Oliveira, o PC, foi apresentado nesta quinta-feira (29/05), na sede administrativa da AACC como técnico da Copagril/ Sempre Vida. O contrato do novo comandante vai, à princípio, até o dia 31 de dezembro de 2014.

Porém, segundo ele próprio, seus trabalhos costumam ser marcados pela longevidade, como nos oito anos que dirigiu a Ulbra (RS), os quatro à frente do Corinthians e outros quatro na seleção brasileira, onde foi campeão mundial em 2008. Nesse período, PC tentará cumprir os objetivos da direção da Copagril estipulados no início do ano, de buscar o tricampeonato paranaense e figurar entre os quatro melhores times da Liga Futsal.

Durante quase 1 hora, PC de Oliveira, com muita propriedade e demonstrando todo seu conhecimento na área, falou sobre o que pensa da atual situação do futsal e de sua filosofia de trabalho que pretende introduzir no time rondonense, e explicou que irá fazer a sua avaliação do atual elenco, com base nas informações o preparador físico Raphael Martins. Depois disso, irá avaliar se deve entrar em contato com Marquinhos Xavier, ex-treinador da equipe, para saber mais à fundo o que se pode esperar do plantel, bem como avaliar se será preciso trazer reforços para o restante da temporada.

Em sua fala, PC, que passou os últimos meses na Europa fazendo o Curso de Diretor Esportivo na Real Federação Espanhola, se mostrou animado com o desafio de dar continuidade ao projeto da Copagril e levar o time a conquistas importantes, e espera manter a identidade conquistada nos últimos cinco anos, período que, segundo ele, a Copagril sempre foi muito respeitada pelas principais forças do futsal brasileiro, tida como uma equipe muito difícil de ser batida, especialmente jogando no ginásio Ney Braga.

Em sua chegada, o novo técnico já deixou o recado para os jogadores de que será preciso muita dedicação. “Cada jogador precisa produzir o máximo para estar aqui. A cada dia eles têm que sair do treino e dos jogos com o sentimento de que está melhor que antes e fez tudo o que pôde dentro de quadra. Quero ver os atletas extasiados no vestiário após a partida, e não pensando em sair para o barzinho ou pagode”, avisou.

Do atual elenco da Copagril, além de seu filho Arthur, com que trabalhou por três anos no Corinthians, PC já treinou o goleiro Quinzinho, no Internacional, e Marlon, na Ulbra. O primeiro treino com bola sob o comando de PC deverá acontecer na manhã desta sexta-feira (30/05), já visando o clássico contra o Umuarama, sábado (31), fora de casa.



(Olho na Bola)