27 setembro 2014

Japs: Cascavel vence clássico e encara Foz do Iguaçu na decisão do futsal

Jogando com a torcida a favor, a equipe anfitriã, tinha tudo para fazer desta sexta-feira (26.09), uma noite cheia de glória e comemoração. Enfrentando nada mais nem menos que a atual líder do paranaense, Cascavel, os toledenses tinham uma missão nada fácil no caminho pelo título dos 57º Jogos Abertos do Paraná-JAPs, fase final da divisão A, realizada em Toledo.

O ouro pelo JAPs, era um sonho a ser realizado, tanto para os donos da casa, quanto para os cascavelenses, que vêm batendo na trave há anos. Com atletas de alto rendimento, ambos os municípios travaram uma disputa de tirar o fôlego da torcida. Jogando com a camisa número seis, a arquibancada não sessou um minuto sequer. Aos berros os mais de 2.500 torcedores, fizeram do ginásio de esportes Alcides Pan, um caldeirão, colocando fogo e pressão nos adversários e aquecendo os pés dos toledenses para que o gol pudesse sair.

Jogando com a mesma equipe que disputa a chave ouro, o campeonato paranaense e também a liga, Cascavel tinha tudo para abrir vantagem frente o time de Toledo, como já era de costume perante outras equipes. No entanto a resistência e a estratégia de um grupo bem fechado, que aproveitava cada contra ataque deu certo. Aos 13 minutos o atleta de Toledo Guilherme Gairo, abriu o placar, incendiando ainda mais a equipe e os torcedores. A torcida queria mais, mas o primeiro tempo terminou em 01x00.

Na volta para a segunda etapa, Cascavel se viu obrigado a partir para o ataque. A busca pelo primeiro gol se tornou incessante, apostando no toque de bola preciso e rápido, os visitantes queriam o empate a qualquer custo. Aos quatro minutos o tão esperado gol veio. Dos pés de Denilson Carvalho, Cascavel colocava no zero as vantagens do confronto. Motivados pelo empate não demorou muito para que a virada acontecesse, um minuto depois com ajuda de Wanderson Dias, os cascavelenses marcaram mais uma vez deixando a equipe pela primeira vez na frente.

Desesperados em busca do empate, a equipe de Toledo, recorreu ao goleiro linha, uma estratégia que havia dado certa na classificação das quartas de finais frente a equipe de Ampere. Era a hora do tudo ou nada, para os porcos selvagens. Em um grito de eu acredito os segundos finais iam se aproximando, e a pressão dentro da quadra por parte de Toledo era cada vez maior. Mas de nada adiantou, e quem avança para próxima fase é a equipe de Cascavel. “Devemos respeitar a equipe de Toledo que regressa ao futsal paranaense. É maravilhoso poder ter equipes como esta que possibilitam um espetáculo nas quadras como foi este jogo”, afirma Ney Victor.

Para o técnico da equipe de Toledo Marcelo Moresco, chegar entre os quatro melhores do Paraná é um prêmio sem fim. “Só posso agradecer a este grupo que acreditou em um sonho de retornar as quadras”, comenta Marcelo.

Para enfrentar Cascavel na grande final Foz do Iguaçu tinha que vencer Francisco Beltrão, a missão dada foi missão cumprida e com 03x01 eles tem vaga garantida entre os dois primeiros lugares do pódio. A decisão de primeiro lugar acontece neste sábado(27.09) no ginásio de esportes Alcides Pan as 17 horas, já a briga pelo bronze se inicia as 11 horas no mesmo local.











(Assessoria)

0 comentários:

Postar um comentário