03 outubro 2014

Atleta de Toledo foi até a Turquia e acabou impedida de competir

Falha na inscrição online foi causada pela Confederação Brasileira de Ginástica. Após ser impedida de competir no Mundial de Ginástica por um erro da Confederação a atleta Angélica voltou ao Brasil e já começou a treinar em Toledo para a próxima competição.

Não foi um fim de semana fácil para a ginasta Angélica. Na Turquia, pronta para participar do Mundial de Ginástica Rítmica, soube que não estava inscrita para competir, por um erro da Confederação Brasileira de Ginástica. A inscrição é feita online e não foi conferida pela administração da Confederação, que deve demitir o responsável pelo erro, considerado página virada para a equipe brasileira de GR.



(Catve)

0 comentários:

Postar um comentário