28 novembro 2014

Chave Ouro: Guarapuava e Cascavel revivem uma das finais mais emocionantes da história

Neste sábado, dia 29 de novembro, às 21h30, será disputada a primeira partida da final do Campeonato Paranaense de Futsal, Chave Ouro 2014, no ginásio da Neva, na cidade de Cascavel. Frente a frente, na decisão, estarão duas equipes que forjaram uma grande rivalidade: Muffatão/Sol do Oriente/Cascavel Futsal e Poker/Guarapuava Garden Shopping/Óleo Leve Futsal já fizeram 26 partidas oficias de 2006 para cá, sendo 24 pela Chave Ouro (um jogo foi pela Liga Futsal, em 2013, e um jogo pelo Torneio dos Campeões, em 2014).

Nestas 26 partidas, os cascavelenses levam ligeira vantagem, de 10 vitórias contra 9 (7 jogos terminaram empatados). Cascavel também tem a maior quantidade de gols marcados: 77 contra 69, dos guarapuavanos.

Mas, sem sombra de dúvida, em todos estes confrontos os que mais marcaram (principalmente pelo lado dos guarapuavanos) foram as finais da Chave Ouro de 2010. Naquele ano Guarapuava e Cascavel chegaram à final com situações parecidas com a da temporada atual. Guarapuava tinha feito a melhor campanha e decidiu em casa, enquanto a primeira partida foi disputada na cidade de Cascavel.

No primeiro jogo, no dia 4 de dezembro de 2010, o ginásio da Neva esteve completamente lotado. Jogando em casa, os cascavelenses golearam por 6x3. Gols de Chupeta (contra), Felipe, Davi (duas vezes) Adeírton e Aladinho. O Guarapuava marcou seus três gols com o artilheiro daquela temporada: Daniel Japonês, que ficaria de fora das outras partidas decisivas em Guarapuava por suspensão.

O jogo de volta, no dia 11 de dezembro no Joaquinzão, é considerado, até hoje, a partida mais emocionante da história do futsal guarapuavano. Os donos da casa precisavam vencer para forçar o terceiro jogo, mas o Cascavel saiu na frente, abrindo uma vantagem de 3x0 (gols de Roberto, Adeírton e Aladinho). Bruno Oliveira descontou para os guarapuavanos, mas Felipe marcou o quarto dos visitantes, deixando o Cascavel muito perto da taça. Foi aí que iniciou a reação: com Biro na posição de goleiro-linha, brilhou a estrela do ala Bruno Oliveira, que marcou mais três gols, empatando o jogo em 4x4. No final, o goleiro Donny tentou dar um passe pelo alto, mas o ala Neto cortou de cabeça, virando a partida para 5x4 (clique aqui para rever os gols da partida histórica).

Como não há saldo de gols nos playoffs do estadual, na terceira partida, disputada no dia 15 de dezembro de 2010 no Joaquinzão, a equipe da casa jogava com a vantagem do empate. Com isso o Cascavel foi para cima e o fixo Issamu abriu o placar. Mas ainda no primeiro tempo, Carrapicho empatou e, na segunda etapa, Fernandinho marcou o gol do título, definindo o placar em 2x1 para Guarapuava. O título inédito colocou o time guarapuavano definitivamente entre os 'grandes' do estado.

Temporada 2014

Neste ano, as equipes de Cascavel e Guarapuava se encontraram duas vezes. No dia 21 de março, no Torneio dos Campeões, na cidade de Umuarama, os guarapuavanos venceram por 4x3 em um jogo de duas viradas no placar. Jamur abriu o marcador no final do primeiro tempo. Na segunda etapa veio a virada cascavelense com gols de PH (contra), Caça e Guilherme. Mas o Guarapuava voltou a marcar com Jamur (mais duas vezes) e Simi Saitotti.

O segundo encontro das equipes, em 2014, foi na primeira fase da Chave Ouro. No ginásio Joaquim Prestes, em Guarapuava, os donos da casa 'sobraram' em quadra e golearam por 6x1. Marcaram para os guarapuavanos Felipinho, Diego Fávero (2 vezes), Marquinhos, Ale Falcone e Simi Saiotti. Jaison marcou o gol de honra do Cascavel.

Fator casa

Em um confronto de tanto equilíbrio, como mostra o retrospecto, aproveitar o fator casa é fundamental. O experiente ala Ricardinho, que foi campeão estadual pelo Cascavel (2003, 2004 e 2005), Umuarama (2007) e Guarapuava (2010) e que, neste ano, voltou a defender o time de Cascavel, sabe bem disso: "Sem dúvidas, com a Neva lotada, com o torcedor do nosso lado nos apoiando e incentivando é uma força extra e muito importante. Precisamos desse apoio. Este é o jogo do ano, vamos entrar para conseguir uma vitória. Sabemos da dificuldade, mas também sabemos o que queremos, por isso iremos nos preparar para fazer um grande jogo e contamos com a torcida no sábado," afirmou.

Os ingressos para o primeiro jogo da final serão coemrcializados apenas para a torcida de Cascavel, de acordo com a Circular nº 40/2014, da Federação Paranaense de Futsal (PPFS). Os bilhetes podem ser adquiridos no Muffatão da Neva, West Side e Cancelli, na Casa das Tintas, na Leve Sport e no posto Pra Frente Brasil (Av. do Brasil). O primeiro lote está a ser vendido com o seguinte valor de R$ 30,00 (inteiro) e R$ 15,00 (meio ingresso).

Na segunda partida, marcada para o dia 6 de dezembro, os ingressos serão apenas para a torcida de Guarapuava (clique aqui para ver informações sobre valores e a compra de ingressos).



(Márcio Nei/FPFS/Assessoria)

0 comentários:

Postar um comentário