27 maio 2015

Chave Ouro: Líder absoluto, Guarapuava chega à marca de 9 vitórias seguidas

Na noite desta terça-feira, dia dia 26, o Poker/Óleo Leve/Guarapuava Futsal conseguiu a 9ª vitória consecutiva na Chave Ouro do Campeonato Paranaense de Futsal, ao vencer o Red Panther/Muffatão/Cascavel Futsal por 4x2. Com o triunfo, os guarapuavanos somam 27 pontos e seguem com 100% de aproveitamento no estadual. Além disso, o time de Guarapuava vive a melhor sequência de sua história na Chave Ouro e está há apenas uma vitória de igualar o feito do Pato Branco Futsal, que, no ano de 2007, venceu 10 partidas seguidas.

Já o time do Cascavel Futsal amargou mais uma derrota no clássico e segue estacionado na 6ª colocação, com 13 pontos ganhos em 7 partidas disputadas no certame e com chances reduzidas de terminar a primeira fase nas primeiras colocações.

O jogo

A partida iniciou com um atraso de uma hora. O motivo foram as goteiras na cobertura do ginásio Joaquim Prestes. A arbitragem, as equipes e o público, de quase 2 mil pessoas, resolveram esperar a chuva, que caía forte, dar uma trégua para iniciar a partida.

A equipe guarapuavana tomou a iniciativa do ataque desde o início do jogo. Nos primeiros minutos, Mauricinho, Diece, Bruno Petry e Matheus tiveram boas chances, fazendo o goleiro Taylon, do Cascavel, trabalhar.

A primeira jogada perigosa do Cascavel aconteceu aos 7 minutos, com Guilherme, chutando forte em cobrança de falta, mas Dudu, que estava ao lado da trave, não conseguiu a finalização e a bola foi para fora.

Aos 8 minutos, a ofensividade dos donos da casa se transformou em gol. Mauricinho ficou com rebote do goleiro, girou e chutou sem chances para Taylon. O gol deu moral ao Guarapuava que criou duas boas chances com Bruno Petry. Na terceira tentativa, Petry ampliou o placar aos 11'41”: 2x0.

Nos últimos minutos do primeiro tempo, Issamu entrou na posição de goleiro-linha, mas sem conseguir chegar ao gol. O Guarapuava seguiu 'martelando', no entanto, em jogada de contra-ataque, Juninho ficou cara a cara com Marcão (que entrou no lugar de Roncaglio, que se contundiu) para diminuir o placar para 2x1.

O segundo tempo seguiu quente com as duas equipes buscando o gol. Guilherme, do Cascavel, acertou na trave de Marcão. Mas na sequência, os guarapuavanos balançaram a rede mais uma vez, com Giovanni mandando uma bomba de pé esquerdo: 3x1.

A resposta dos visitantes veio aos 8 minutos da segunda etapa com Juninho que fez bela jogada, cortando a defesa, batendo sem chances para Marcão e fazendo seu segundo gol cascavelense na noite. Com o tento, o time de Cascavel cresceu na partida: Dudu teve boa chance para empatar, mas Marcão defendeu. Na jogada seguinte, Guilherme mandou mais uma bola na trave. Logo depois, em cobrança de falta, foia  vez de Caça, mandar um chute com perigo.

Faltando 6 minutos, foi a vez de Guarapuava chegar com perigo com Bynho. No contra-ataque, Juninho ficou livre para marcar o terceiro dos cascavelenses, mas Marcão fez defesa milagrosa, salvando os donos da casa. Na sequência, Bynho voltou a ter grande chance, em contra-ataque, mas a bola bateu na trave e o placar seguiu inalterado.

Nos instantes finais, Issamu voltou a ocupar a posição de goleiro-linha, a pressão se intensificou. Juninho teve mais uma chance para empatar, enquanto Bynho teve outra oportunidade para ampliar, chutando para o gol livre, mas a bola foi para fora. Faltando 1'26”, Bynho teve nova chance, no erro de passe cascavelense e, desta vez, não desperdiçou, definindo placar final em 4x2.

Nos segundos finais, Mauricinho teve mais uma boa chance para marcar para Guarapuava, mas Taylon fez boa defesa. No segundo final, foi a vez de Issamu defender, mas ao tentar sair rápido, o jogar segurou a bola fora da área com a mão. A arbitragem marcou falta e, logo em seguida, expulsou Issamu por reclamação. Como o cronômetro já estava zerado na jogada da falta, a arbitragem resolveu encerrar o jogo, sem a cobrança da infração.

Liga Nacional

Depois do confronto pelo estadual, as duas equipes voltam suas atenções para a Liga Nacional de Futsal (LNF). No próximo sábado, dia 30, Guarapuava e Cascavel jogam no estado de São Paulo, contra Corinthians e São José Futsal, respectivamente. Na segunda-feira (dia 1º), os adversários se invertem, com Guarapuava jogando em São José dos Campos e o Cascavel enfrentando o Corinthians, no Parque São Jorge.



(Clique Esporte)

0 comentários:

Postar um comentário