28 abril 2014

Celeste marca no fim e empata com Incas/Bundalelê

O Celeste recebeu o Incas/Bundalelê no Estádio Municipal da Vila Celeste neste domingo, pela quarta rodada do Campeonato Municipal de Futebol Amador de Santa Helena. O jogo foi muito disputado, cercado de polêmicas e duas expulsões. Os visitantes saíram na frente, mas no final da partida, após marcação de um pênalti, o Celeste empatou. A próxima rodada acontece nesta quinta-feira, dia primeiro de maio, feriado de Dia do Trabalhador.

O jogo

O Celeste jogando em casa propôs o jogo no inicio da partida. Diante de sua torcida a equipe azul e branca tomava a iniciativa da partida e logo no inicio deu o primeiro susto no goleiro Osório. Mariel cabeceou e a bola bateu no poste direito do arqueiro do Incas/Bundalelê.

O jogo continuou com forte marcação de ambas as equipes, que abusavam das faltas. Logo começou a distribuição dos cartões amarelos. O Incas/Bundalelê assustava toda vez que ia para o ataque, principalmente pela direita, onde estava o ligeirinho Zino, que partida para cima dos zagueiros celestiais.

Não demorou para os visitantes abrirem o placar após uma grande jogada do atacante. Zino driblou e foi ingressando na área. Na linha de fundo, quase dentro da pequena área, rolou para Polaco que chutou forte e abriu o placar, 1x0 Incas/Bundalelê.

O primeiro tempo ainda foi marcada pelas contusões. O meia Ronaldinho sentiu novamente e virilha e foi substituído. Em seu lugar entrou o Junior. Do lado do Celeste, o atacante Juca sentiu e foi substituído pelo lateral Ito. Com a mudança, o lateral Marcelinho passou a jogar no ataque ao lado de Mariel.

No segundo tempo, o técnico Batata veio com mais uma modificação nos donos da casa. Saiu o lateral Borracha e entrou o outro Jean Sandmann. A ligação do meio com o ataque ainda era um problema e então chamou Sandro Barth, um dos jogadores mais experientes da competição.

Sandro deu nova dinâmica ao meio campo celestial, que começou a pressionar. A defesa do Incas/Bundalelê estava impecável. Parecia não errar, mas até que no final da partida, o lateral Jean foi ingressando na área, na raça, e os zagueiros do Incas/Bundalelê, na tentativa de cortar a bola, acabou acertando Jean e o pênalti foi anotado. A infração gerou revolta dos jogadores, comissão técnica e também da torcida visitante. Na cobrança, Cuca empatou, 1x1.

Logo após o gol, o meia Cristhians, que tinha acabado de entrar no jogo e sequer havia encostado na bola, foi falar com o arbitro e acabou expulso. O jogo continuou quente e nos últimos minutos, o atacante Zino recebeu o segundo cartão amarelo e também foi expulso. Ao final foi isso mesmo, Celeste 1x1 Incas/Bundalelê.

Sub-21

No sub-21 outro jogo bastante disputado aconteceu. O Incas/Bundalelê vencia o Celeste por 1x0 com um belo gol do atacante Claudemir, um dos destaques do amador 2014 na categoria.

Na reta final da partida os donos da casa empataram com Nardinho, batendo firme, cruzado, a bola escorada pelo atacante Vera. O jogo terminou em 1x1, mas com várias chances perdidas para ambas as equipes.