07 setembro 2014

Chave Ouro: em jogo de expulsões, Foz Cataratas garante classificação

A última partida do Notável Móveis/Ampére Futsal, na segunda fase do Campeonato Paranaense de Futsal, Chave Ouro, foi marcada por uma arbitragem rigorosa. Foram expulsos da partida, disputada no ginásio da Rondinha, em Ampére, três atletas da equipe mandante, dois do Foz Cataratas e até um repórter que trabalhava no jogo.

O placar final foi de 6x3 para a equipe do Foz do Iguaçu, que chegou a nove pontos no grupo B e garantiu passagem para as quartas-de-final. Já o Ampére, com um ponto a menos, terá que torcer por dois tropeços do Keima/Operário Futsal, da cidade de Ponta Grossa, para poder avançar à próxima fase. As próximas partidas do time ponta-grossense serão contra Umuarama e Cascavel Futsal.

O jogo

Na primeira etapa, Douglas Jesus abriu o placar para o Foz Cataratas. Mas o grande destaque do primeiro tempo foi que o repórter Júlio, de uma rádio da cidade de Ampére, foi excluído da partida pela arbitragem. Segundo informações do próprio repórter, o motivo teria sido apenas um cometário emitido do comunicador.

Na segunda etapa, o Foz ampliou o placar com gol de Grafite. O time de Ampére não desistiu e diminuiu com gol de Rodriguinho. Na sequência Douglas Jesus levou o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com um a mais em quadra, o Ampére empatou, com Neto Caraúbas: 2x2.

Mas logo depois, foi a vez do fixo Neto Caraúbas levar cartão vermelho e ir para o chuveiro. Com vantagem numérica invertida, o Foz fez 3x2, com Léo Silva. No entanto, mais uma vez, o Ampére buscou forças para empatar com outro gol de Rodriguinho: 3x3.

Na parte final da segunda etapa, o ala Fio, do Ampére, também foi expulso. Logo depois, o goleiro Roni, do Ampére, e William Brandão, do Foz, se desentenderam e também levaram cartões vermelhos. A torcida protestou bastante contra a arbitragem, mas o jogo seguiu com os atletas excluídos

Mais uma vez com vantagem numérica em quadra, o Foz marcou o quarto gol com Roger. Na sequência, o Ampére foi para o tudo-ou-nada, com goleiro-linha e o goleiro Christian e o ala Soró marcaram seu gols, ampliando a vantagem, garantindo a vitória por 6x3 para o Foz Cataratas.



(Clique Esporte)

0 comentários:

Postar um comentário