06 maio 2015

Sub-21: Três equipes disparam e luta é pela quarta vaga

Há duas disputas na categoria sub-21 do Campeonato Municipal de Futebol Amador de Santa Helena. A primeira é pela ponta da classificação e a segunda é pela última vaga no G4, que da direito a disputar a semifinal dos aspirantes. Três equipes, São Luiz, Palmeirinhas e Celeste, dispararam na ponta da classificação, o que nos faz pensar que estão praticamente classificadas. Por isso, levando em consideração a fraca campanha do Real, a disputa pela última vaga nas semifinais será entre União e Água Verde.

Confira a programação e classificação: LIVRE  -  SUB-21

O Palmeirinhas é o único invicto na competição. A equipe, dirigida pelo técnico campeão da categoria no ano passado, Andreo Arend, vem fazendo grande campanha. Até aqui são 4 vitórias e 1 empate. Mesmo como uma das principais equipes, Andrinho ainda não conseguiu um equilíbrio em sua equipe. O Palmeirinhas tem a melhor defesa da competição com 7 gols sofridos, mas tem apenas o 4º melhor ataque. A força ofensiva da equipe é um problema que precisará ser solucionado.

Se o problema do Palmeirinhas é o ataque, o São Luiz não tem o que se queixar e é dono de uma comissão de frente invejável, que já anotou 29 gols na competição. A equipe dirigida pelo técnico Pedro Mateus está entre as melhores, liderando o sub-21. O destaque da equipe é o atacante Negão, artilheiro dos aspirantes no ano passado. Além dele, o meia Barboza também merece destaque. A defesa luizense também está entre as melhores do campeonato, e é a segunda ao lado do Celeste, com 9 gols sofridos.

O equilíbrio entre ataque e defesa também está no Celeste. Os ‘meninos da vila’ ocupam a terceira colocação na tabela, 3 pontos atrás dos lideres. A equipe do técnico Áureo Grasselli, também sofreu 9 gols, mas balançou as redes adversárias em 15 oportunidades, ficando com o segundo melhor ataque ao lado o União. O Celeste tem uma base invejável, com jogadores que certamente serão os melhores do município em poucos anos. Os destaques são o zagueiro Igor, volante Nicolas e o meia Vitinho. Além deles, o ligeirinho Jabú também está na lista.

As três equipes citadas acima estão praticamente confirmadas nas semifinais, até pela distância para o quinto colocado. Com essas vagas ocupadas, resta apenas uma em disputa. E é nesse lugar que União e Água Verde querem ficar. Tricolor e Alviverde ocupam a quarta e quinta colocação, respectivamente. E a disputa será muito acirrada, visto que o empate do último domingo terminou empatado em 3x3. Para alimentar ainda mais o amador, as duas equipes se encontrarão na última rodada da competição. O favoritismo está todo para o Água Verde que jogará diante de sua torcida.

Além do empate, o clube de Moreninha venceu uma partida no amador, contra o Real. A equipe tem bons jogadores em seu elenco, como o zagueiro Tigrinho, os meias Darlan e Sky e o atacante Jandrey. Do outro lado, o União conseguiu dois empates e uma vitória. Uma dessas igualdades foi comemorada e muito. O 4x4 contra o Palmeirinhas, depois de estar perdendo por 4x1. O destaque do tricolor é o atacante Neguinho, ligeiro e raçudo, é ele quem dá mais trabalhos às defesas adversárias.

E para fechar, o lanterna da competição, o Real precisa de um milagre para conseguir avançar. O clube de São Roque não venceu nenhum jogo até aqui e é dono do pior ataque, com 4 gols e da pior defesa, sendo vazada 28 vezes. O alvirrubro montou sua equipe com a base dos jogadores residentes no distrito de São Roque e não conseguiu encaixar. Há bons jogadores no elenco como o meia Peka e o goleiro Calopsita e volante Kener, ambos campeões do sub-21 pelo Nacional no ano passado. Calopsita, por sinal, foi escolhido o melhor arqueiro da categoria.

0 comentários:

Postar um comentário