26 dezembro 2014

Retrospectiva 2014: Futsal sem título e expectativa de 2015 melhor

Uma crescente. Foi assim o ano da seleção santa-helenense de futsal. A equipe, comandada por Andrei Draguetti, deu visíveis sinais de evolução ao longo deste ano de 2014 e quase conseguiu coroar todo o trabalho realizado com um título, quase. Santa Helena iniciou o ano de técnico novo. Andrei assumiu o posto e logo começou os treinamentos para se preparar para as competições que a equipe teria ao longo deste ano.

Logo na primeira competição que disputou, Santa Helena caiu na primeira fase. Os treinamentos continuaram e melhores resultados vieram com a terceira colocação no Troféu Difusora de Futsal. Nos Jogos Abertos do Paraná, que aconteceram aqui no município, Santa Helena caiu para os campeões, Itaipulândia nas quartas de finais. A mesma Itaipulândia que conseguiu o acesso a Chave Ouro de Futsal neste ano. Para finalizar 2014, havia a expectativa de um título, o que por pouco não veio. Santa Helena ficou com o vice na Copa Colônia de Futsal.

Para 2015 as expectativas são de continuidade do trabalho realizado. Há a esperança de que Santa Helena entre no Campeonato Paranaense Chave Bronze, um desejo antigo do ex-preparador físico do Umuarama Futsal, o santa-helenense Marlus Sokolowski. Marlus já revelou o desejo inúmeras vezes de montar uma equipe profissional no município. O desejo foi realçado com a grande expectativa da implantação de uma Secretaria de Esportes em Santa Helena, o que aumentaria os investimentos no esporte do município.

Esses investimentos maiores são fundamentais para uma maior estruturação das categorias de base do município. Por exemplo, as seleções de base, tanto masculino quanto feminino, de Santa Helena não conseguiram resultados expressivos neste ano. As equipes comandadas por Régis Schimitz passam por um processo de renovação e há poucos jogadores disponíveis para que o trabalho seja desenvolvido da melhor forma.

0 comments:

Postar um comentário